Tontura e Vertigem

A tontura é a perturbação na orientação espacial, sem a sensação de estar em movimento. Frequentemente está associada a desequilíbrio e enjoos.

Já a vertigem é a sensação falsa de movimento, principalmente rotatório, com tudo girando.

Sintomas

  • Dor de cabeça
  • Dor no pescoço
  • Dificuldade ao andar
  • Perda de consciência (desmaio)
  • Outros sintomas neurológicos (como dificuldade para ouvir, ver, falar ou engolir, ou dificuldade para mover um braço ou uma perna)

Tratamentos

  • A causa da tontura é tratada, sempre que possível. O tratamento inclui suspender ou reduzir a dose de qualquer medicamento que seja a causa, ou substituir por outro medicamento. Náuseas e vômitos podem ser tratados com medicamentos como meclizina ou prometazina.
  • A vertigem causada por distúrbios do ouvido interno, como a doença de Ménière, labirintite, vertigem associada a enxaqueca ou neuronite vestibular, pode com frequência ser aliviada com benzodiazepínicos, como diazepam ou lorazepam. Medicamentos anti-histamínicos, como a meclizina, são uma alternativa. A vertigem em pessoas com vertigem posicional paroxística benigna é tratada com a Manobra de Epley (uma manobra tipo cambalhota da cabeça) feita por um médico experiente. A doença de Ménière é melhor controlada por um otorrinolaringologista com treinamento no manejo desse distúrbio crônico, mas o tratamento inicial consiste em uma dieta pobre em sal e um diurético, que pode não ser eficaz em todas as pessoas com a doença. Em pessoas com vertigem que ocorre com enxaqueca, a enxaqueca é tratada.